segunda-feira, janeiro 22, 2007

Olha lá, Paulina! olha lá!...



Hoje andei a manhã toda fora. Como nem sempre o que se deseja está logo à mão, em dois sítios tive de esperar para fazer o que pretendia. Se as agências bancárias têm belos sofás, convidativos até a uma soneca a quem se consiga esquecer de como é multiplicadamente malvada a palavra 'juros', já na outra ocasião de espera forçada, a uma porta que nunca tinha visto nem mais gorda nem mais magra, o sofá foi o do meu carro pois, suspeitava e com razão, a minha visita não era benquista e ninguém me estenderia uma cadeira.

E zás... para isso é que serve a mochila: em ambos os hiatos saquei do livrinho da Chiziane e fui-me a ele. Poucas páginas, ainda: o meu "livro de bolso" é mesmo para estes bocados de tempo que sobram inesperadamente, mais o café com sossegos e o que mais calhar. E assim se vão lendo, sem pressas. Contrariamente aos meus receios estou a gostar. Nada de deslumbramentos nem de iluminações repentinas: simplesmente a gostar, muito bom sinal para princípio de obra e de autora, meu caso já contado porque até agora adiado.

Até estou disposto, para já, a "dar de barato" e a relevar os maus tratos que ela dispensa à 'minha' Mafalala sempre que ela vem a lume... bem, estão para aí dez páginas lidas, ou nem isso, vamos lá ver se ela atina e evita-me mais ataques de catarro, catarro iniciado por oito anos de Mafalala e muitos "Havanas" comprados avulso nas cantinas, e que emerge em perdigotos de desagrado quando dizem mal do meu primeiro bairro em Lourenço Marques.

Quer os sofás bancários quer o tablier do meu carro agradecerão, Paulina...

(imagam da capa gamada aqui, e a dos cigarros daqui)

1 Comments:

Blogger th said...

Engraçado...hoje, de manhã fui com a minha neta à Camara de Oeiras e como pensava ficar a "secar" no carro levei o Xicuembo comigo. rever algumas das estórias que lá contas, de Mafalala, por exemplo...não o cheguei a abrir, ela despachou-se num instante e eu entretanto fiquei a ver a chuva tombar...th

2:32 da tarde  

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home