sexta-feira, junho 02, 2006

acertos










O post anterior foi escrito de rajada, impulsionado pelo que a memória me trouxe quando, em arrumos de garagem, dei com a 'pasta Gvang' (entre as Guyot e GvB) e as fotos que lá estão abriram ficheiros. Ora eu já sou velhote: memória RAM fraca e poucos megas no hard disk, cheio até às bordas.
Hoje voltei à pasta e estive a olhá-las melhor, onde fiz uma leitura transversal dum artigo de revista da época que fala no Gvang (fanei-a porque tem fotos e não pelo texto). O professor Pardal chama-se Gene van Greken e é australiano e engenheiro. Mas mantenho o barracão e o milhão, e esta puta desta depressão sempre que meto gasolina e sinto-me explorado: no fundo são eles a moral da história.


(e aproveito a alargo o post com mais imagens; todas gamadas e sei lá aonde, gosto delas e não tenciono vendê-las a ninguém, blá blá, enfim: sou um cleptomaníaco incurável quando se trata de imagens de vrum-vruns ou de Moçambique )

0 Comments:

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home